12 de janeiro de 2008


2 comentários:

José Carlos Francisco (Zeca) disse...

O MESTRE Oscar era um dos meus maiores Amigos... tive o grande privilégio de o conhecer pessoalmente e de por duas vezes estar com ele, momentos inesquecíveis, inclusive inseri fotos desses momentos na entrevista (demorei horas a editorá-la) que por ironia do destino, concedeu esta semana ao blogue do Tex, porque ele também era um fã do ranger, tal como de zagor, mas sobretudo de outras personagens Bonelli, como por exemplo Martin Mystère, conversei muitas horas via telefone (era um tremendo prazer ouví-lo durante horas) e trocamos centenas de e-mails, abordando tudo... o último imagine-se, foi sobre castanhas portuguesas...
A plaquinha de Tex e seus pards fotografados por O'Sullivan, que ele me ofereceu, é um dos objectos mais queridos da minha colecção e sempre está em local de destaque, inclusive em Moura arrancou muitos elogios, até do Civitelli...
Que o nosso Oscar descanse em paz nas pradarias Celestiais!

Denise disse...

Olá, venho agradecer a homenagem ao meu pai, que além de me apresentar aos quadrinhos e incentivar a leitura e o gosto pelas artes em geral, foi um exemplo de honestidade, persistência e generosidade. Nesse momento de dor, ver as pessoas lembrando dele com esse carinho nos conforta, e onde ele estiver, com certeza está muito feliz também.
Abraços,
Denise Kern